domingo, 10 de janeiro de 2010

Oólha a Globelezaí geeeeeeeeeeenth!! [/sorri]

Em todo início e fim de ano vivemos a mesma tradição de sempre: Depois de vermos o Papa falando em português no Natal, somos agraciados com a incrível Corrida de São Silvestre, um evento que une gerações em frente à TV, né? Mas nada, NADA se compara - nem mesmo o especial do Roberto Carlos, que a cada novo ano traz inúmeras novidades para nós - à tal da Globeleuza!
Lá vou eu (lá-vou-eu) falar dessa vinheta psicodélica mais colorida que parada gay e mais brilhante que a Elke Maravilha, daquela bunda e seu molejo que aparece na TV bem no momento em que a família toda se reúne para discutir um assunto sério e te faz levantar do sofá, subir na mesinha de centro e rebolar junto, sob olhares incompreensíveis do seu pai, sua mãe, tia Generosa e Max, o cãozinho sapeca. Rááááái! Oólha a Globelezaííí., genth! =] Sério. A Globeleza em si consegue ser mais irritante que as outras vinhetas que te ensinam a cantar o samba-enredo da sua escola do coração! Oólha a Viradouruaííí, geeenth! 

[Risos. ensina: Bordão de carnaval: Grite "Oólha _________________aíííí, geeenth!!"]

Eu tenho pena da coitada da menina que é a Globeleza. Porque, assim, como todo mundo já tá cansado de saber, ela passa hoooooras deitada enquanto desenham em seu corpo a "roupa" que será usada na vinheta do ano, depois passa mais hoooooras de pé enquanto pintam cada um dos desenhos, aí passa mais outras hoooooras em um estúdio só com chroma key sambando ao som daquela música bem animada, né, pra finalmente um computador substituir em minuuuutos todos aqueles desenhos por objetos multicoloridos animados e divertidos. Se eu fosse ela, surtava.
"Oliaquíah, Hanz... Eu não mereaço passar doish diash sendo pintáada com éassa tinta geláada e nem sambar a meshma coisa tôudo ano pra êasse computadoar fazear tudo sozinho. eu não náasci-a pra sear uma bôumba de glitter, amado. Snif."
O pior é que ela tem família né? E com certeza nessas festas de fim de ano deve ter um tio bêbado ou a mãe empolgada que pede pra filha mostrar pra todo mundo em primeira mão a coreografia da vinheta do próximo ano. Daí que ela tenta explicar que a coreografia não muda. Daí que uma tia levanta com o prato de maionese na mão e diz que ano retrasado ela desceu levemente a mão esquerda em direção ao seio direito, coisa que não aconteceu na vinheta do ano passado. Daí que nossa Glubileusa, de shortinho de domingo e camiseta rasgada da campanha do Eduardo Paes pra prefeito do Rio, tem que sambar e fazer aquela cara de "Oi, çol gata, çol séusqui; Oi, olha minha cara de moleca sapeca quando eu viro a cabeça pro lado, mãe!"
A Sônia Abrão ainda anda falando sobre as vinhetas passadas ou nessa época ela já tá falando de BBB?

Enfim. Vamos então ver a vinheta desse ano? Sissy Gura:

Ops, errei.



Globeleza 2010

Nesse ano vemos que a predominância de tons frios que vão do azul até um quase vermelho significam um retorno à inocência, a um passado onde não éramos tão ligados aos apelos sexuais. Apesar dessa busca do passado, o futuro continua presente através das formas multicoloridas cintilantes de Hans Donner e da incrível mudança nos vocais da música-tema, que se aproximou dos corais de igrejas do interior vemos que a vinheta tá parecendo mais aquelas animações multicoloridas do Windows Media Player.
E pra quem quiser ser uma Globeleza e saber o que deve ter pra isso, acompanhe com carinho as dicas do Tio Hans clicando aqui.

6 Comentários:

Luan Roger disse...

Ahh Gabriel, sinceramente, eu não sei porque você colocou o video da Globeleuza aí... A gente vai passar o resto do mês assistindo isso, mesmo quem não gosta de TV, é impossível se desviar...
O que eu mais gosto nisso é ver a cara de decepção das pessoas quando elas estão assitindo a TV na maior paz do mundo, quando de repente aparece o Show da Mangueira... Elas simplesmente olham pra você e dizem:
"Aff, já começou essa merda..."
Não dá outra, todo mundo acha o Carnaval Brasileiro um saco, por mim isso só deveria existir no Rio, porquê é só lá que o povo gosta...

piada: Eu não subo na mesinha de centro... eu arrasto ela, senão ela quebra... e todo mundo aqui em casa dança também... u.u

thaís coelho disse...

Quando eu era criança eu tinha medo das Globelezas, a maioria tinha um penteado não muito agradável e faziam uma cara de simpatia que me dava medo D:

Naisa Nayane disse...

Carnaval = feriado Então está ótiiiiimo !! -t

Pedro Carvalho disse...

gente, eu vou sonhar com essa porra hoje. O_O

Zé Abrão disse...

bom era na época que ela mostrava o peitinho. Agora nem isso mais...

Guilherme Toscano disse...

Eu nunca entendi muito bem qual era o real papel da Globeleza (além da época em que ela servia pra mostrar pro Hans Donner mostrar pro Brasil inteiro quem ele tava comendo). Ok, estamos próximos ao carnaval, tem um monte de vinheta de escola de samba passando mas... E a Globeleza? O que ela tá fazendo lá? Deve ser preguiça de ter que pensar em uma vinheta nova todo ano, como a do Ano Novo que sempre tentam inovar em algo... Sei lá.

Postar um comentário