sexta-feira, 11 de setembro de 2009

11 de Setembro.

11 de setembro de 2001 foi uma data marcante para todos nós. Além do aniversário de 31 anos do lançamento do Ford Pinto, 21 anos da Constituição do Chile e de 11 anos do discurso onde o Presidente Bush (o pai, não o filho) fez um discurso em rede nacional autorizando o uso da força para remover os soldados iraquianos do Kwuait, além disso tudo, ocorreu o maior ataque terrorista da nossa era moderna. E mais que isso: foi o Primeiro Ataque Terrorista transmitido ao vivo e a cores para o mundo inteiro (engole essa Copa de 70).
E você me pergunta: "Tio Toscano, eu tinha 6 anos em 2001 e meus pais me proibiram de ver televisão e de entrar na internet nos últimos oito anos, o que carambolas rolou no dia 11 de setembro de 2001?", e eu explico: Tinha um cara lá no Afeganistão (isso é um país, seu imbecil), grilado com os EUA por causa de algum motivo que envolvia petróleo, imperialismo, guerras no passado, discriminação e putarias religiosas, aí esse cara, que era amigo dos EUA até um tempo atrás, resolveu mandar uns broder dele pra sequestrar três aviões e acertarem dois prédios altos onde se concentravam toda as empresas americanas fodonas e uma outra instalação que era a sede do exército americano. E assim eles fizeram. Sequestraram os aviões acertaram os dois prédios e erraram o do exército lá.
E onde você estava nesse fatídico dia? Lembro que eu, uma criança gorda em plena quinta série, comecei a ouvir um rumor que tinham acertado um avião num prédio lá em Nova York, como todo pobre, sou doido por uma tragédia, saí correndo pra casa pra ver o que tinha rolado. E eu cheguei a tempo de ver ao vivo, o segundo avião batendo no prédio. Loucura total foram os dias seguintes. Todo mundo meio tenso esperando mais um atentado, boatos de ataques em outros lugares do mundo, tensão geral.
E aí começou a putaria norte-americana. Terrorismo virou desculpa pra vida, e com isso atacaram um monte de países (que, por acaso, eram grandes produtores de petróleo, que revendiam pro próprio EUA), colocaram um prêmio imenso na cabeça do mentor desses atentados (Osama bin Laden, que não tinha citado ainda, né?) e foi a festa dos soldados doidos. Geral matando afegão, iraquiano, kuwaitianos.
Mas por que esse escárceu todo por causa de dois predinhos? O esquema é, muito mais do que dois prédios super importantes, o orgulho dos americanos foi ferido. Eles se julgavam intocáveis e os árabes doidos acertaram eles bem onde mais doía, na economia. Muita gente morreu, muita gente perdeu dinheiro e esse assunto meio que virou um tabu. Todo ano, no dia 11 de setembro, o pessoal se reune pra tocar uma sineta, ler o nome dos mortos no atentado, fazer um minuto de silencio enquanto no fundo as máquinas que estão construindo um novo prédio param de funcionar.
Pra terminar, só pra dar mais glamour a esse ano de 2009, uma agência brasileira faz um vídeo com 100 aviõezinhos acertando os prédios de Nova York comparando o 11 de setembro com o tsunami, para mostrar que a natureza tem um potencial de destruição muito maior que o do homem SO temos que respeitar a natureza. Então, o homem não provocou o tsunami, e eles não precisavam mexer com um assunto que os americanos não superaram. A tal agência tirou o vídeo do ar do youtube mas aposto que vocês acharão em algum lugar se procurarem direito. E você?

[UPDATE]
Tá aí o vídeo da campanha, pra quem quiser ver.

13 Comentários:

Gabriel Mota disse...

Eu tava na 6ª série e lembro que no outro dia queria ser o primeiro aluno da sala a comentar o caso com a professora de história. Sim, eu ainda era nerd na 6ª série.
Cheguei em casa e gritei: Iuhuuul, tou vivendo a história!!

E por uns três anos depois disso, sempre no 11 de setembro, eu construía dois prédios de cartolina e botava fogo depois, para relembrar isso do meu jeito - o jeito de uma criança boba que sempre gostou de brincar com fogo.

Débora S. disse...

Eu tinha 07 anos. Lembro que no dia faltou água aqui em Brasília, mas do atentado mesmo quase nada :x kkkkkkkkkkkkkk.

O texto ficou ótimo :D

pedrovitor disse...

eu não lembro qual idade que eu tinha, tô com preguiça de fazer as contas, mas eu lembro de acordar e ficar sozinho na sala com uma reportágem de algum avião nos EUA e tava maior bafafá. Não tinha nem idéia da intensidade dessa notícia.

Esse post foi a prova que alguma coisa você aprendeu da aula de Tecnologia e Novas Comunicações. Orgulho do professor! *paga pau paga pau paga pau* HAHAHAHA

Ana Carolina disse...

muito bom.

Eu lembro que eu tinha 10 anos, tava la com meu avo vendo tv como aquele velho doido passava o dia vendo, meu tio estava nos EUA e ligou no dia 10 dizendo que ia nas torres gemeas de novo porque nao conseguiu tirar muitas fotos, e no dia tava eu la deitada com o velho quando passou aquilo. Cara, nem gosto de lembrar o desespero dele por lembrar que meu tio tinha dito que estaria la.
O bom foi que a mulher do meu tio passou mal e eles nem foram, o ruim foi que meu avo tentou falar com ele 3 dias seguidos e nao conseguiu.
Hoje eu to rindo, mas no dia foi um chororo dos infernos.

Unica foto da minha tia la que sobrou foi essa:
http://images.orkut.com/orkut/photos/OgAAAE2D2XKukg9vyvqm132GEDjBs-mVK3okzji6i-SznLgKy49_E0DrjhPG5a1S-kttRQmR5PiGe0GZNKErAxIa6IYAm1T1UCqSXGEQsjJIii8a2TUFkO0I-Qg0.jpg

Foi tirada no dia 06/09/2001.
hahaha

Que felicidade.
Otimo texto.
Beijos Toscano.

@CarolinaMourao

CarolMoreno disse...

Tio Toscano, eu realmente tinha 6 anos e não lembro de absolutamente nada que aconteceu naquele dia e provavelmente eu devia estar assistindo algum desenho ou brincando quando aconteceu.

Otimo texto :)

PS: Eu gostei da campanha.

thaís coelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
thaís coelho disse...

Eu tinha 7 anos e só lembro que fiquei brava porque so passava isso na tv, todo canal e mesma coisa >< kkk

Bom texto :D

mariana ♪ disse...

eu tinha 6 anos SAHUSIAHIS mas eu lembro que eu tava vendo TV com meus pais, e minha irmã ligou da faculdade, falando que também tava vendo de lá e mais algumas coisas que eu não lembro né. Adorei o post Toscano :D e ameeeeei o vídeo *-*/ WWF <3

Zé Abrão disse...

eu também lembro como foi...tinha 9 anos, tava na terceira série....e o comercial da WWF ficou 10

Aline disse...

Eu tinha 10 anos ..
e só lembro que fiquei brava porque só passava isso na tv [2]
lembro também que meu irmão chorou pra caramba porque dia no dia do atentado era o aniversário de 9 anos dele . HAHA
risos.

ótimo texto , e mano essa campanha da WWF tá fodinha *-*

beijs

@alinemorais_

kauanna disse...

É engraçado, isso. Alguém sabe dizer o dia em que aconteceu o tsunami? Alguém para pra fazer um minuto de silêncio ou tocar cornetinha ou alguma máquina para de funcionar em nome das vítimas do tsunami no maldito dia? Isso sem falar nas mortes que já ocorreram no Iraque em função dessa guerra inteligentíssima. Acho que se você mora no (lado rico do) Ocidente, sua vida vale alguma coisa. Se você mora no Oriente, morra. E nada como dizer isso com um humor fino, porque pra mim, o ápice do texto foi: "O esquema é, muito mais do que dois prédios super importantes, o orgulho dos americanos foi ferido. Eles se julgavam intocáveis e os árabes doidos acertaram eles bem onde mais doía, na economia".
Perfeito.

Leandro P. disse...

HAHA, que doido o video do final... vai ser útil pra mim, heim..
Toscano, depois pega pra assistir um documentário meio teoria da conspiração que se chama Zeitgeist. A segunda parte dele trata justamente desse 11/09. E é interessante apesar de eu não concordar com tudo o que eles cospem pra cima da gente. Heh

Beto disse...

Mas que foi bem pensada... Isso foi. hehehe

Postar um comentário