sexta-feira, 7 de agosto de 2009

CUIDADO: Louco a 2km

Grandes aspirantes a motoristas, aqui vão alguns relatos pessoais de minha saga no exame psicotécnico necessário pra poder pegar carteira de motorista:

É de conhecimento de todos que é necessário fazer o exame psicodélico psicotécnico pra dar continuação ao processo. Pros ingênuos que nunca procuraram saber ou aqueles que vêem a carteira de motorista como um sonho longe de ser alcançado ainda, eu explico. O psicotécnico é um exame "psicológico" que prova que você está apto pra dirigir. É como se fosse um filtro de retardados. Evitar que você xingue os outros de louco no trânsito sendo isso a mais pura verdade, entende? Mesmo porque não seria nada legal você ver no carro ao lado do teu algum louco, com os olhos esbugalhados, cheio de manias estranhas (bater 3 vezes no consóli antes de qualquer curva, dirigir jurando que o carro é uma montanha-russa em plena descida, dar uma de Britney Spears e controlar o carro com os pés, etc). Vai que você faz uma curva fechada e o louco não gosta? Caralho, a perseguição vai ser o joguinho mais adrenalina pra ele. Tipo... Missão: Aniquilar o inimigo. Objetivo: provar que nenhum outro louco dirige mais louco que você, o louco. E ele vai jogando aquilo o dia inteiro com você, como se não houvesse o amanhã. E sabe-se que pra um dos dois haverá um 'game over'.

Enfim, voltando ao relato. O exame comigo foi desconfortável. Me botaram na sala sozinho com uma velha. Calma! Não, eu não tenho medo de velhas. Eu tenho medo de loucos, isso sim. Velho, eu juro que ela tinha mó pinta de louca. Ela ficava rindo do nada, mostrando a língua pro além e simplesmente não prestava atenção em nada que a instrutora falava. Mas relaxa, vou chegar lá depois.

1) Raciocínio e lógica
O primeiro exercício é bem imbecil. São 40 exercícios de "raciocínio". Ok, pode até ser, mas só nas questões finais. Sim, é por ordem de dificuldade. Começa com um cavalo sem rabo. "O que falta pra imagem ser completa? a) *desenho do rabo* b) *desenho de uma cabeça* c) *desenho de um pato* d) *desenho do... ronaldo*. Bem isso. Mas é divertido fazer. Seu ego vai lá em cima, pois você se acha mega foda. Até a velha animal lá deve ter se sentido o Chuck Norris após o teste. Mas é aí que você se engana. A velha conseguiu errar no gabarito. Ficou rindo feito uma doente lá, e foi pedir ajuda pra instrutora. A mesma veio, na maior paciência do mundo, e com palavras sutis conseguiu falar algo tipo: "CARALHO SUA VELHA ESCROTA, PRESTA ATENÇÃO NA PORRA DO TESTE E NÃO ERRA NUNCA MAIS."

2) Teste dos mil pauzinhos
Terminado aquele, vem o teste dos pauzinhos. Segundo a instrutora, de acordo com a maneira que você faz os traços ela sabe exatamente como você é, qual é sua personalidade. Beleza, depois a louca é a velha né. Aham, Cláudia, senta lá. Enfim:
- Vocês vão repetir os pauzinhos que tem aí na folha que eu entreguei. Quando eu falar "sinal", vocês param de fazer traços na vertical, e façam um na horizontal.
E assim fizemos. Depois do teste pronto (tinha tempo cronometrado) a velha vem e fala:
- Sinal? Pra que que você tá falando "sinal"? Que que eu tenho que fazer?
Saca aquela história da bíblia que todo mundo hesita em jogar a pedra na prostituta? Se a prostituta fosse essa velha, eu fazia questão de arrebentar a cabeça dela com um taco de beiseball. Risos. Mentira, muito cruel. Voltando... outra instrutora veio, e falou, dessa vez nada sutil, algo parecido com "CARALHO SUA VELHA ESCROTA, PRESTA ATENÇÃO NA PORRA DO TESTE E NÃO ERRA NUNCA MAIS."

3) Psicólogo
Depois dos testes medíocres, vem a conversa com o profissional de fato. Na real, o psicólogo que me atendeu parecia um pedreiro aposentado que pegou um bico de analisar os outros. Tanto o modo de vestir, quanto o jeito de falar, mas isso não vem ao caso. O mais doentio foram as perguntas que ele me fez. Não sei o que era mais medonho, se o estilo das perguntas ou se a voz 'Regina Volpato compreensiva' que ele fazia em 3ª pessoa:
- Como o Pedro se olha no espelho?
- Como os outros vêem o Pedro?
- O que o Pedro quer ser quando crescer?
- Qual a relação do Pedro com sua família?
- Qual a relação do Pedro com seus amigos?
- O Pedro é agressivo?
- O Pedro fuma?
- O Pedro bebe?
- O que o Pedro bebe?
- Com qual frequência o Pedro bebe?
- O que o Pedro sente quando bebe?

Juro que pensei que depois ele fosse perguntar algo do tipo "Qual a cor e estilo de cueca que o Pedro usa?" ou "O Pedro bateu uma ontem?". Ok, eu sei que foi inadequado e/ou desnecessário, mas o velho realmente me deu medo. O pior é que eu tinha que responder com cara boa pra ser aprovado e sair dali logo. E a melhor parte foi quando ele me aprovou e eu fiquei com cara de caneca do tipo "eaí, o que deu no meu teste dos pauzinhos?"
- Você é uma pessoa tímida e controla muito bem seus sentimentos - disse o velho.

Olá, velho deturpado: nem um, muito menos o outro. Mas pouco importa. Pelo menos, agora, tô mais perto de conseguir minha carteira.

E você? Como foi seu exame psicotécnico? Teve que desenhar uma casinha e esqueceu de fazer o chão? Ou desenhou a porta, mas esqueceu a tranca? Conseguiu ser reprovado no medíocre teste psicotécnico? Divida sua história conosco!

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
• A velha saiu da sala do psicólogo com um sorriso na cara e dava pra ver na testa dela que ela tinha sido aprovada. Agora não duvido de mais nada. Se vir um macaco controlando um carro tá de boa.
Dê opiniões você também acerca das temáticas a serem abordadas em nosso blog mandando suas sugestões por twitter, orkut ou por email.

15 Comentários:

Pedro Lobato disse...

Meu teste "psicodélico" foi bem parecido com o seu. O foda é que o tempo inteiro eu ficava pensando "QUE MERDA EU ESTOU FAZENDO AQUI?!".
Única diferença desse teste foi o lance do psicólogo o qual realmente parecia saber o que estava fazendo e foi bem tranquilo. Realmente, do jeito que você descreveu o seu "pedreiro-psicólogo" deve ter dado muito medo.

Gabriel Mota disse...

Juro que tava com pena da velha, porque você não estava sendo nada compreensivo com ela.
Mas ela falar mesmo um "Sinal? Pra que que você tá falando 'sinal'? Que que eu tenho que fazer?" é motivo mais que suficiente pra sair dali depois de uma sessão de tortura com agulhadas no olho.

^^

Ciro Moraes disse...

Texto muitíssimo engraçado!

Coitada da velha... Eu a entendo. Ela é só mais uma não compreendida pelo mundo...

Meu teste foi quase exatamente o mesmo. Só que foi a mesma psicóloga gorda gente boa mas com cara de entediada. E primeiro foi a entrevista, que foi tranquila.

Depois veio o teste dos pauzinhos, o teste de atenção (ligar as figuras iguais num papel) e o de raciocínio lógico.

O pior é que eu PERDI no psicoteste! Fui reprovado na desgraça daqueles pauzinhos! Eu tenho a cordenação motora pior que a de uma macaco, o que posso fazer? Numa linha os tracinhos subiam, na outra eles desciam.

E o pior é que na sala que eu fiquei estava cheio de gente que estava repetindo o teste. Teve um cara que fazia pela terceira vez!

Depois eu fui pesquisar sobre esse teste, chamado palográfico e vi como ele funcionava. Que os malucos que o examinam veem tudo. A quantidade, a angulação, o tamanho e até a força que se faz ao escrever.

E o pior é que a clínica que eu fui era tão f*dida que eu só soube do resultado quase um mês depois. Atrasei o processo da carteira por causa disso!

Affff


@aurelianoB

Leandro P. disse...

Hehe, ainda não fiz teste desses, mas sempre ouço falar.

Laura Silveira disse...

ahhh... o meu psicotécnico não tinha pauzinho, vai ver foi por isso que eu passei :D

o meu era o da casa, da árvore e da pessoa, não podendo esquecer do chão nos três.

Zé Abrão disse...

eu vou fazer isso só ano que vem. Mas pior que as perguntas e a cara de tacho quando o cara chega a uma conclusão nada precisa, deve ser é foda se você for lá, falar tudo direitinho, abrir seu coração e ele te bombar e te chamar de psicopata.

Guilherme Toscano disse...

Velho, meu psicodélico foi insano.

Primeiro o de lógica (poutz, fiz um ano de matemática, errei dois só)
Depois o de marcar umas setinhas pra cima e pra baixo ou algo assim (acertei 90% YUHUL SOU GENIO)
depois desenhei a casa, a arvore e me desenhei.

O lance é que tinha uma gordinha louca que errou tudo, rasurou tudo, perguntou tudo e quanto eu já tinha sido entrevistado ("Parabens, seu resultado foi impressionante") e tava indo embora, a gordinha num tinha nem terminado a casinha ainda.

Espero MUITO que a gordinha tenha rodado, não me sentirei seguro sabendo que alguém assim tem um carro em mãos.

CarolMoreno disse...

Vou andar de bicicleta pro resto da minha vida HUSAHUASHU

Beto disse...

Esses dias mudei de categoria a CNH, e tive que fazer o teste de novo... Teste de raciocínio lógico, teste de atenção e o dos pauzinhos...

Minha sorte que a psicóloga que me atendeu era muito simpática e gente boa...

Só achei estranho pq um cara perto de mim riscava a folha sem parar no dos pauzinhos, e eu ja tava constrangido pq ele tava qse pedindo outra folha e eu ainda na msm... sahsahsuahushasa

Abraço!

Andressa símaro disse...

''Ela ficava rindo do nada, mostrando a língua pro além e simplesmente não prestava atenção em nada que a instrutora falava.'' HAHAHAHAHHAHAHHAHAHA eu imagino a sua cara olhando pra essa velhinha..
tadinha.. acho que vc deveria ter dado umas dicas pra ela de como fazer uma casinha mais segura!
foi um dos posts mais divertidos que eu já li!=)

Lucas Tavares disse...

O unico teste psicotécnico que eu fiz foi para uma escola técnica ..
Foi tranquila ..
O único incidente foi o que um dos candidatos (um chinês se achando inteligente pacas) ficava falando alto na sala, com 60 outras pessoas querendo se concentrar ..
Foi bom passar pra escola e saber que ele (o chinês) não passou ..
mas foi melhor ainda um dia, na semana seguinte, que eu encontrei com ele na rua (o puto era meu vizinho) e sem nem conhecê-lo, zoar muito com a cara dele por ficar se achando e acabar se fudendo .. AHUSHAUSHAUSHAUHSA'

Ri muito com as perguntas do "pedreiro-psicólogo" .. HAHAHAHA'

AbraçoO !

Ludy Tavares ♪ disse...

outra instrutora veio, e falou, dessa vez nada sutil, algo parecido com "CARALHO SUA VELHA ESCROTA, PRESTA ATENÇÃO NA PORRA DO TESTE E NÃO ERRA NUNCA MAIS."

HAUSHAUSHUASHUASHUASHUASHUASUAHSUAHSUAHSUASHUASHUASHUHSUASHUASHUASHUASHUASHUAHSUASHUASHUASHUASHUASHUASHUSHUASHUSHUASHUASHUASHU morri xD

claudia disse...

perfeito! eu acho que a vida é isso aí.
temos que ter senso de humor sempre...me acabei de rir com a história,porém eu queria saber sobre os pauzinhos na vertical,pois eu fiz o teste dos pauzinhos e ví que eu fui a que mais fiz pauzinhos na vertical,porém eu estava na mesma velocidade dos pauzinhos que aminha colega que não era a minha concorrente,sendo que eu fui no memso pique que ela e depois falando com ela ao final ela me falou que o que matava ela era a ansiedade!!!!!!!! EU DISSE,FUDEU!! eu fui na velocidade dela e me lenhei kkkkkkkkkkkkkkk eu qté hj não sei da resposta deste psicoteste,porém eu creio que pelo fato de ter feito tantos pauzinhos com uma velocidade maior que da minha amiga"" ansiosa rsrsrs e aí?? O QUE SERÁ QUE ACONTECEU COMIGO???? OS NR DE 1 A 50 E NÃO ACHEI TODOS FUI APENAS ATÉ O NR 28 EU ACHO.bJXS

Anônimo disse...

Eu fiz o meu Hoje.. Ainda não sei o resultado. Foi super tranquilo, mas eu fiz uma média de 150 traços... Não subi nem desci ladeira. mas na minha turma, só mais um cara que fez por volta dos 140'. E Agora Gente?????
ESTOU APAVORADA.
'''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''

Anônimo disse...

Vc é bem veloz Anonimo hihihi

Postar um comentário