quarta-feira, 7 de julho de 2010

A saga de Gabriel assistindo a Saga de Crepúsculo.

Pois é, como eu sou o quebrador oficial de tabus aqui do site, resolvi aceitar o convite que tio Pedro me fez:
"Gabriel, já sei o que vamos fazer na sua despedida: você vai comigo assistir Eclipse!!"
Confesso que quase matei PV quando ele me disse uma coisa dessas, mas como me lembrei que uma vez me levaram pra comer na Subway e eu acabei gostando, resolvi ceder. Vai que eu virasse Team Edward de carteirinha né?
Meu principal problema em ir assistir coisas desse gênero é que tenho fobia de muita gente, de muita gente em local escuro, de muita gente gritando em local escuro. Confesso que me animei quando vi que não tinha fila nenhuma pra comprar os ingressos! Daí já viu né? Olha minha cara de felicidade:

Eu feliz :]

Meus primeiros minutos na sala de cinema? Twitter. Sim, sei que sou um viciadozinho de merda, mas estava nervoso e acabei tendo uma overdose. Twittei do celular e gastei uns dois reais nos dois primeiros minutos sentado na poltrona do cinema. Não, meu celular não é fodão e nem tem wifi. É celular comum mesmo, mas se alguém quiser me ajudar, sento em bolos na webcam em troca de um iPhone ou Blackberry. [#unitedstatesoftarafeelings]
Para assistir Eclispe tinham mais umas dez pessoas, e a pessoa mais nova que eu identifiquei ali foi o PV. Hihi. Menos mal, nenhuma mocinha com hormônios desesperados gritaria quando aqueles lobos descamisados que fazem ponta em filmes das Brasileirinhas aparecessem na tela. Mas como tudo estava indo bem demais pra ser verdade, um casal chegou e se sentou na poltrona da minha frente. Segundo PV, eles sentaram na MESMA poltrona. Agora, me respondam por favor porque eu não consigo entender: como um casal me paga dérreais cada um pra entrar numa sala de cinema e ficar se pegando o filme inteiro? Ok, eles não estavam se pegando durante o filme inteiro porque a cada três minutos a mulher saía da sala. E eu lá, lamentando essa juventude de línguas entrelaçadas na minha frente em salas de cinema com minha típica cara de desgosto:

Eu com cara de desgosto

Com o início do filme e 47 twittadas depois eu me senti bem em casa porque, convenhamos, a trilha sonora do filme surpreendeu. E já valeu minha meia entrada só quando eu descobri que a mãe da Bella na verdade é Nina Myers, a mulher que enganou Jack Bauer, matou sua mulher, ajudou a colocar uma bomba atômica e um vírus mortal em LA, além de quaaase matar Kim! E eu sei que eu AMO 24 Horas. Era só reparar minha cara de euforia quando Sarah Clarke apareceu:

Eu eufórico com a aparição de Sarah Clarke :D

E eu ali, achando que a melhor cena do dia foi aquela do trailer de O Bem Amado, quando vemos Maria Flôr e Caio Blat na praia entoados por Mallu Magalhães cantando Nossa Canção (bjs, Toscano!)... É que eu ainda não estava tão a par da viadagem que é Eduardo Péttinson não deixando Bella despi-lo para uma ardente (?) noite de sexo. Já disse uma vez, você só conhece alguém por completo até tirar-lhe suas roupas. Porra, Cullen! Recusando Kristen Stewart. TICUNHEÇO NA NOOOITE, MARLI. Você quer mesmo é ser amparado pelos braços poderosos do Djhêicob! Não significa, Ronnie Von?
E o filme foi caminhando. E eu ali, entendendo toda a história só por ver o 3º filme. Foi assim com Lord Of The Rings. Çol Fodda, mâin. Olhaqui minha cara de Dado Dolabella fodão:

Eu com a cara de "Dado Dolabella Fodão"

E eu adorei a participação especial da Shakira (bem parecida com a Bruna Surfistinha) como aquela "uma dar vampira lá que tem inveja da Bella porque ela não precisa escolher se quer ser vampira ou não".
Complexo né?

Nem vou falar muito mais do filme até por que não lembro de muita coisa. Como disse, o casal na minha frente chamava mais minha atenção. Mas de fato, eu, GABRIEL, confesso: Eclipse nem é tão ruim assim. É bem bacaninha. Tirando essa onda errada de vampiro que brilha e vampiro que quer aparecer. Porque se eles podem correr numa velocidade espantosa, pra quê que esse povo vai me chegar triunfante no clâ lá por baixo d'água, lentamente, como se a vida fosse um grande desfile de moda? Produção, cadê a coerência?
E apesar de ter gostado (?) eu ainda fui criado com histórias de vampiros em castelos na Transilvânia, que não podem sair no sol, não brilham, e não morrem quebrados mas sim com uma bela estaca de madeira em seus peitos. Se nosso querido leitor e quase um colaborador Pedro Lobato estivesse aqui do meu lado, ele concordaria com essas minhas palavras aí de cima com essa cara aqui:

Pedro Lobato concordando comigo

Conclusões a que cheguei:
1. Bella só tem uma cara: a de sofrida.
2. Edward é mesmo guei, menines. E nem venham falar que é romantismo porque meu eu-romântico ainda é muito mais homem até que a Bella, que no caso é o homem da relação.
3. Essa história de falar que porque nasceu lá no século passado é motivo que justifique sexo depois do casamento nem cola mais nos dias de hoje.
4. Bella é uma puta e quer dar pra todo mundo. Até pro Harry Potter, se brincar. (Brasileirinhas, roteiro comigo!)
5.Passar um filme inteiro gritando "Djhêicób" quando se está comprometida diz muito sobre quais são suas intenções sexuais. Ainda mais quando esse lobo tem um corpo quente. Não me culpem, segundo a história, ele tem mesmo.
6. A família de lobos é beeem amazônica. Só olhar a cara de pagé que a maioria deles têm:


Então é isso, gostei mesmo, achei interessante até... Mas nunca que vou assistir os dois primeiros filmes. Aí já é demais.
E lanço aqui o desafio: PV me obrigou a ver Eclipse. Por isso fiz essa resenha. Em contrapartida e como COMBINADO, o levarei para ver comigo O Bem Amado. Esperem a resenha dele.
E beijos bem carinhosos para o público do Flamboyant Shopping Center que ficou com cara de Bella ao me ver junto com PV caminhando e entrando em lojas com as coroas de papel TeamEdward de brinde do BurgerKing:

12 Comentários:

Pedro Carvalho disse...

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHA

SEU CUZAO. #TeamEdward na cabeça!

Zé Abrão disse...

CARA, assistir Eclipse e ainda passear por aí com coroa de TeamEdward por aí é só pra machos de verdade. Bolas de oura.

Anônimo disse...

Quando vocês foram? kkkkkkkkkk

Gabriel Mota disse...

Segunda-feira.

Naisa Nayane disse...

Sou mais o Jacob (é mais hot -nos dois sentidos-) e acho que ele deu uma de Luciana (viver a vida) -q e pegou a protagonista para ele -s
Ele tem atitude, é forte e perfeito /tá,parei.
A Bella tem uma cara mongol mesmo.

E AMEI vocês de coroinha *-* se eu soubesse, tinha ido para gyn só para ver isso ! UHAUHAUHUHAUHAUH

CarolMoreno disse...

Gabriel, acho que voc nem precisava ter escrito, suas expressões diziam tudo! HUASUHSAUAHSAUHSAUSH

PS: Liiiiindos de #TeamEdward!

Suzy disse...

AAAAAH, queria ter visto vocês lá :/ da próxima vez avisem, ok?

Anônimo disse...

a amizade de vocês é tão linda...

IsaPriore disse...

Que lindo! Mais uma experiência, Gabriel... haha. Bom, é um filme muito bom, apesar de vários motivos para não gostar da saga, existem alguns para gostar hihi
Gabriel Mota agora se tornou um menininho inseguro que queria ser menininha, por gostar de Crepúsculo e se identificar com a Bella -nnn (Não Faz Sentido - Crepúsculo > Felipe Neto *-*)

"4. Bella é uma puta e quer dar pra todo mundo. Até pro Harry Potter, se brincar. (Brasileirinhas, roteiro comigo!)" Sofri. O Harry Potter é gay com aquele beijo escroto na Gina em Enigma do Príncipe (no FILME > no livro é tudo decente u.u). Enfim... Bella é um machinho drogado :D

Andréa disse...

Mijei litros de tanto rir aqui!
Não vi o filme ainda, mas sou team Edvaldo até os dentes. Ah seu eu pego um branquelinho daquele...

Tamara disse...

HUAHuhauUHAUhahUHAUhuah.. adorei *-*

Eu penso o seguinte a saga foi feita para as meninas verem, então acho muito normal meninos não gostarem.
É romance, meloso, exagerado, impossivel. Coisa que principalmente adolescentes gostam. Por isso faz tanto sucesso.

E Vampiro não existe, nem um tipo de vampiro pra mim é verdadeiro. Então acho meio sem noção falrem.. mas vampiro não brilha no sol e bla´bla´blá.

Ela tá sofrendo mesmo filme todo, sofrendo com a sua indecisão.
Nos outros filmes a cara de sofrida dela é mais intesa e mais presente, sem motivo aparente. Os efeitos ainda são ruinzinhos, as peruca do "Djhêicób" é muito feia .. então, eu te dou meu apoio a não querer assistir xD

Eu achei muito tosca essa parada de sexo depois do casamento, eu fiquei com vergonha por ele ;/
E sim, a Bella é uma vadia ;)

Mas enfim, eu gosto .. dos livros *-*
E ver o "Djhêicób" sem camisa no filme. Só, porque ele é tosco e eu prefiro o Edward >.<''
Um corno manso parece bom ;)

Shay Martins ;D disse...

aneeim gabrieel, você é o melhooor !

Postar um comentário